By the Way, havia um inglês no meio do caminho

16/05/2009

Ei, psiu, eu sou a sua consciência…Não era para ser um emprego temporário?

Pois é, pois é.

O chato de quando você começa a curtir uma coisa, especialmente se essa coisa for uma construção com outras pessoas, é que os seus sonhos megalomaníacos de poder e prestígio começam a ficar meio que em segundo plano. Ou terceiro, quarto, quinto plano…

Eu não ousava admitir, mas estava curtindo essa de ser professora!

Meu lado esquizofrênico – aquele que ouve vozes que me julgam – dizia: “Quem diria? Vai acabar professora, né? Você que dizia que ia fazer filmes, ser famosa, com que cara vai olhar para seus amigos de Cinema? Eles vão seguir carreiras brilhantes, você vai ver! Logo, logo vão estar nos jornais e você morrendo de inveja, dando aulinha! É, cada um curte como pode e você só merece isso aqui mesmo!”

Eu sei, minha esquizofrenia é de super mau gosto…

Mas, minha gente, era gostoso! E era útil! Lembram-se de que eu queria ser útil? Pois é!

Lado esquizofrênico – Faixa 2 – “Útil, né? Útil pra ensinar todo mundo a ser colonizado, falar a língua dos poderosos, onde é que vai parar todo o seu idealismo agora, hein? Quem diria? Você é mesmo uma traíra!”

Tá, tudo bem, mas eu estou educando, isso é uma sala de aula – não importa se é curso, escola ou o que seja – eu estou educando! Eles estão aprendendo muito mais do que inglês aqui…

Enfim…

Anúncios

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: